Em nota Pâmela Bório volta à atacar magistrados da Paraíba

A jornalista Pâmela Bório voltou à atacar a magistratura  da Paraíba na tarde deste  domingo (14/04). Em postagens feitas pela própria Pâmela em grupos de WhatsApp, a Jornalista disse que juízes da Paraíba tinham conluio com criminosos. A nota de Pâmela foi bastante dura também contra a Associação dos Magistrados da Paraíba.

Confira:

“SOBRE (IN)JUSTIÇA
Por Pâmela Bório – jornalista

Que tipo de gente defende o mal? Que tipo de gente defende a injustiça? Que tipo de gente defende a roubalheira?
Quando proferi discurso em ato do último domingo, dia 07, me permiti ser a voz dos que não têm voz, mortos ou vivos, mas todos injustiçados, roubados, prejudicados por uma quadrilha responsável pelo 2º maior escândalo de corrupção do país, perdendo apenas para o caso do PT e revelada pela Operação Calvário, ainda em andamento… Bilhões de reais foram desviados da saúde – por isso tanta gente com péssimo atendimento médico (quando tem!) e, pior, tantos morrendo nos hospitais públicos!

Mas os culpados não são apenas os ladrões – eles acreditam na impunidade apoiados em cúmplices no judiciário. E tão grave quanto os atos criminosos é também a omissão – hoje, inclusive, o meu pastor destacou sobre este pecado no culto da manhã. Então, contra um judiciário que é cúmplice, omisso ou covarde (leia-se, uma parte do judiciário, e não O judiciário), me levanto e repudio, tendo absoluta certeza de que toda a maioria do povo compartilha da mesma indignação e repulsa. Eu defenestro um judiciário criminoso que envergonha a toda uma categoria profissional, eu combato os que maculam a todos os justos e honestos do judiciário – e também fora dele. Ao passo que eu apoio incondicionalmente todos os grandes profissionais, aos juízes perseguidos como o Moro – saibam que aqui na Paraíba temos muitos como ele. Particularmente vi duas juízas serem colocadas em suspeição apenas por seus ofícios livres de compactuações com o poder executivo, como as admiráveis excelências Tulia Neves e Lucia Ramalho.

Quem ousa apoiar práticas tão nefastas? Somente quem acoberta ou pratica as mesmas péssimas ações. Continuarei combatendo a corrupção onde estiver, dentro ou fora do judiciário, da política, do partido… Por toda a população que é vitimidada, por todos os juristas que, assim como eu, passaram muitos anos de sua vida estudando e se esforçando por uma vida melhor para sua família e para a sociedade, por todos da imprensa que não podem falar a verdade dos fatos, aqui estou.

Para desviar o foco das minhas denúncias do domingo, passaram a me execrar publicamente, me injuriaram de “louca”, de “caloteira” pelo leilão (no ano passado) de um imóvel com irregularidades no financiamento, fabricaram nudes como se, absurdamente, eu tivesse postado tais fotos aqui no Instagram, disseminaram memes como se as causas das denúncias fossem interesses em cargos de quem nem tem capacidade para tal oferta, inventaram mentiras diversas… Questionaram até o porquê de “só depois de romper relações matrimoniais com o ex-governador Ricardo Coutinho, Pâmela Bório descobriu que ele não presta e que é chefe de quadrilha”… Óbvio que a motivação da minha separação em abril de 2013 e posterior divórcio em 2015 foi justamente a descoberta de quem era e o que fazia e claramente só tive segurança em denunciar na PGR e na PF após sair da Granja, onde passei bom tempo só comendo o que eu via ser feito com receio de ser envenenada.

Bom, nesta semana tudo foi feito para que minhas denúncias fossem ofuscadas. Pressionaram até o TJ para emitir nota de repúdio contra mim – o que não aconteceu, obviamente. Ao contrário, a Associação dos Magistrados da Paraíba não deveria ser condescendente com um judiciário que aceita ser subjugado ou que se mantém em conluio com criminosos. Deveria haver gratidão por alguém que se sujeita a todo tipo de retaliação por lutar pelos direitos, pela Lei, por um judiciário mais coerente com sua missão em promover a justiça.”

Continue Lendo

Nudez de jornalista

Fotos íntimas de conhecida jornalista polêmica aqui da Paraíba tem movimentado os bastidores das redes sociais no Estado. Quem ver as imagens fica estarrecido com o grau de nudez exposto.

Continue Lendo

Justiça leiloa apartamento de Pâmela Bório por falta de pagamento

O poder Judiciário da Paraíba leiloou nos últimos dias um apartamento de propriedade da Jornalista Baiana Pâmela Bório. Após processo judicial por falta de pagamento, a justiça paraibana decidiu executar o bem.

O apartamento de número 103 está localizado no Edifício Maria Sophie, na avenida Antônio Lira, no bairro do Cabo Branco. O imóvel de 62 m2 foi arrematado por Claudinea Jean da Silva, que reside em Brasília.

Continue Lendo

Call center da Geap faz mais de 1 milhão de atendimentos por ano

Um contato gratuito disponibilizado às centenas de milhares de beneficiários. A resolução de problemas em poucos minutos. A alternativa de um serviço de excelência ao longo das 24 horas do dia. Essas são algumas das soluções oferecidas pela Central Nacional de Teleatendimento da Geap Saúde, que atende pelo número 0800 728 8300, tem trabalho reconhecidamente eficaz e garante o bom relacionamento cliente-empresa.

Diariamente, os operadores recebem mais de quatro mil ligações. A média anual ultrapassa o número de um milhão. São quase 300 operadores que passam por capacitações constantes e são alocados numa estrutura física recentemente reformada, localizada em Brasília (DF). O tempo médio de resolução é de apenas sete minutos e meio, um diferencial da Operadora.

A Autogestão, que oferece planos de saúde aos servidores públicos de todo o Brasil, entende que, nesses momentos, o acolhimento é fundamental. Por isso, capacita as equipes para dar aos beneficiários um suporte prestativo e humanizado.

As dúvidas mais comuns referem-se à arrecadação, autorização de procedimentos, atualização cadastral, rede credenciada e garantia assistencial, como a cobertura dos planos, por exemplo.

O ambiente da Central Nacional de Teleatendimento da Geap conta com recursos tecnológicos e de gestão adequados a cada processo de trabalho; e o ambiente físico foi planejado para contemplar as necessidades técnicas. As salas de treinamento e a remodelagem dos processos de monitoria e feedback possibilitam mais engajamento e desempenho operacional.

A capacidade de atendimento diário foi ampliada e dá suporte às quase duzentas mil demandas mensais. “Hoje, o call center é moderno e pensado estrategicamente para prover as condições ideais de acolhimento e cuidado dos beneficiários. Devemos ser assertivos e eficazes nos atendimentos”, comenta o Gerente de Teleatendimento, Rulho Munhoz.

Equipe preparada e satisfação garantida

Os operadores da Central Nacional de Teleatendimento da Geap recebem treinamento contínuo para manter o padrão acolhedor e humanizado de atendimento e, assim, fazer a diferença na satisfação dos beneficiários e prestadores de serviços.

Um dos aspectos mais importantes para manter a qualidade do atendimento é a constante atualização da equipe em relação às novidades da Operadora. Dessa forma, todos podem oferecer informações atuais, evitando algum desgaste na resolução da demanda.

Para cumprir esse objetivo, o programa de treinamento periódico é composto por etapas dentro do processo do ciclo de qualidade:

●     Novos produtos: é um pilar relacionado aos novos itens ou à alteração nos vigentes. Sempre que há mudança, a equipe de instrutores desenvolve um plano de aula e novos scripts de atendimento para a capacitação de todos os operadores;

●     Monitoria de qualidade: mantém a excelência no atendimento realizado pelos operadores. Mensalmente, as ligações de cada colaborador são avaliadas. A meta dos atendentes é de 90% de acerto nos atendimentos – os que têm um índice menor passam por um treinamento específico;

●     Monitoria das áreas intervenientes: foca nos clientes internos. Todo mês, as áreas intervenientes da Operadora, cujos produtos são operacionalizados pelo convênio, disponibilizam um especialista que, em parceria com os instrutores do call center, realiza simulações para detectar as oportunidades de melhoria nos processos de trabalho e na resolutividade de atendimento. Assim, são elaborados e repassados nos treinamentos os novos scripts de atendimento.

●     Pesquisa de satisfação com os beneficiários: ao término dos atendimentos, os clientes são convidados a participarem de uma pesquisa eletrônica de satisfação. Atualmente, 97% de aprovação são atingidos.

O melhor Teleatendimento entre as Autogestões

                A Geap é a única Operadora de Saúde brasileira a ter o selo ISO 9001:2015 para o escopo “Teleatendimento”. Isso significa que os beneficiários contam com um serviço reconhecidamente eficiente, através do contato gratuito.

A versão ISO 9001:2015 da certificação, conquistada em 2018, trouxe mudanças estruturais na forma de encarar um sistema de gestão. Ou seja, trata-se de uma mudança de postura. É o resultado do objetivo da norma ISO 9001, que garante que a empresa tem capacidade de atender às necessidades do cliente e aumentar a sua satisfação, com a melhoria dos seus processos e a eficiência dos resultados.

A Geap já era certificada com o selo ISO 9001:2008. O novo selo reforça a qualidade do teleatendimento.

Continue Lendo

Berg Lima participa da Marcha dos Prefeitos em Brasília

O chefe do Executivo de Bayeux, prefeito Berg Lima, está participando da 22ª edição da Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, evento conhecido como a Marcha dos Prefeitos. O encontro começou na segunda-feira (8) e segue até a quinta (11) com debates, palestras e encontros bilaterais ou regionais.
Segundo o prefeito Berg Lima, o evento é uma ótima oportunidade para conhecer cases de sucesso e apresentar pautas do município para outros entes. “Temos uma agenda bem definida para os bayeuxenses. Viemos para falar sobre gestão, modernização da máquina pública, transparência e investimentos”, listou Berg Lima.
O evento é uma chance de abordar as pautas municipalistas como mudanças no Pacto Federativo e reajustes em programas federais, principalmente em áreas que são importantes para a Prefeitura de Bayeux, como saúde, educação e infraestrutura. “Uma das nossas preocupações é dar agilidade às demandas dos moradores, mas em algumas dessas, é necessária a intervenção ou apoio federal. Essa é uma pauta que também vamos abordar aqui”, acrescentou o prefeito.
Na segunda, abertura da Marcha, participaram o presidente Jair Bolsonaro e o presidente da Câmara Federal, o deputado Rodrigo Maia. A XXII Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios está reunindo prefeitos, vereadores e outras autoridades no Centro Internacional de Convenções do Brasil (CICB). A iniciativa acontece desde 1998 e tornou-se um espaço para dialogar sobre questões que influenciam o dia a dia dos municípios.

ASCOM

Continue Lendo

STJ determina retorno do Prefeito de Tavares ao cargo

Atendendo habeas corpus impetrado pelo advogado Aécio Farias, na tarde desta terça-feira (08), por unanimidade, o Superior Tribunal de Justiça concedeu habeas corpus ao prefeito do Município de Tavares, Ailton Suassuna, e ao seu irmão, Michael Suassuna, então secretário de finança daquele município.

Os dois haviam sido presos por determinação do Tribunal de Justiça da Paraíba, porém, no dia seguinte, o Superior Tribunal de Justiça determinou a liberdade dos dois, porém mantendo o afastamento do cargo.

Com essa decisão, o prefeito reassume imediatamente o cargo.

O advogado Aécio Farias não vai comentar a vitória.

Continue Lendo

AMB/PB quebra silêncio e repudia ataques de Pâmela Bório ao Judiciário da Paraíba

A Associação dos Magistrados do Brasil na Paraíba quebrou o silêncio e repudiou duramente os ataques de Pâmela Bório ao judiciário da Paraíba.

Confira:

A AMPB – Associação dos Magistrados da Paraíba, Entidade representativa dos Juízes de Direito deste Estado, diante de pronunciamentos levianos emitidos pela jornalista Pâmela Bório, por ocasião de manifestação pública ocorrida no último domingo (07), nesta Capital, e repercutidos pela imprensa, vem a público repudiar ataques infundados que maculem a seriedade do Poder Judiciário paraibano, bem como tentem ameaçar a independência judicial de todos os seus magistrados, em qualquer grau de jurisdição.

Como Entidade defensora do Estado Democrático de Direito e das garantias constitucionais, a AMPB reafirma que sempre prezou pela liberdade de expressão, contudo, essa garantia não pode ser exercida de maneira irresponsável, sobretudo por uma profissional da imprensa, que tem o dever de informar de maneira ética, observando a verdade dos fatos.
Ataques infundados à magistratura não atingem apenas os seus membros, mas o próprio cidadão, que precisa de um Judiciário forte, capaz de combater todos os atos de corrupção e garantir os direitos individuais de seus cidadãos, atitudes que o Poder Judiciário paraibano vem desempenhando com profissionalismo e dedicação nos últimos tempos.
Ao atribuir, indiscriminadamente, a prática de crimes de corrupção a integrantes do Poder Judiciário, a jornalista tem o dever de apresentar as devidas provas e acionar os órgãos de investigação competentes. Ao invés disso, agiu de forma difamatória e caluniosa, atentando contra os princípios éticos da profissão que escolheu para seguir.
Por fim, a AMPB espera que prevaleça o respeito ao Poder Judiciário e a seus magistrados, calcado em preceitos éticos mediante o uso da liberdade de expressão responsável, dizendo que adotará medidas jurídicas para resguardar a dignidade de seus membros.
João Pessoa, 09 de abril de 2019.
Juiz Max Nunes de França
Presidente em exercício da AMPB

Continue Lendo