E a crise?

Senadores da Paraíba gastam mais de meio milhão com despesas de gabinete

A Paraíba é um estado que, historicamente, elege os mesmos políticos para representar seu povo, políticos estes que se gabam de um discurso bonito e atraente, mas que bastam chegar a um cargo político que desmontam tudo que foi falado no período eleitoral.

Os senadores paraibanos fazem “farra” com as verbas de gabinete e com os ressarcimentos  de gastos no Congresso Nacional. Usam o dinheiro público para despesas como publicidade, divulgação própria, alimentação e combustível. Fica a pergunta: A população recebe um pagamento “extra” para suprir suas necessidades pessoais? Pois é, enquanto isso, os representantes da Paraíba no senado gastaram R$ 588.647,20 com esse tipo de despesa.

E não é nada absurdo, em 2015 o gasto foi ainda maior R$ 728.058,21. Até quando a população vai aturar esse total descontrole com o dinheiro público?

No ano passado, o senador José Maranhão gastou R$244.012,00 e o curioso foram os gastos exorbitantes com passagens aéreas e combustível, pelos quais o senador gastou em 5 dias, R$ 11.000.

Em 2015, ano posterior à derrota sofrida por Cássio Cunha Lima na disputa pelo Governo da Paraíba, o tucano gastou R$ 409.746,50. O curioso é que nesse ano, ele gastou mais que o dobro da soma dos gastos de 2016 e 2014. Isso é no mínimo estranho.
Outro fato curioso envolveu o ex-senador Cícero Lucena. Quando ele deixou o senado, no dia 1º de janeiro de 2015, ele ainda gastou R$ 11.768,01 com passagens aéreas e locação de veículos. Isso em menos de 48h.

O que deve ficar de lição para a população é o preço do voto. Hoje o voto de 1,04 milhão de paraibanos vale um gasto de R$ 1.235.397,34 com despesas de gabinete. O que o Senador Cássio Cunha Lima teria de argumento para justificar tal absurdo?

Continue Lendo

Voando Alto

Senador da Paraíba gasta mais de 11 mil reais em oito dias para abastecer seu avião com verba do Senado


Um levantamento feito pelo signatário deste blog, realizado no site do senado, conseguiu informações sobre os gastos com combustível para abastecer a aeronave pessoal do senador José Maranhão.

O morubixaba do PMDB paraibano gasta boa parte da sua cota parlamentar para abastecer o próprio avião e fazer viagens, não se sabe se para atividades parlamentares ou para atividades particulares, o que se sabe é que o senador paraibano tem gastado muito dinheiro do erário público.  Em julho do ano passado, por exemplo, o senador torrou mais de 11 mil reais em apenas oito dias para encher o tanque de seu avião. Chama atenção uma das datas, dia 26 de julho de 2016, quando foram “investidos” R$ 3.152,00 em somente uma nota fiscal de querosene na aeronave.

Esses abastecimentos aconteceram na empresa do ramo de combustíveis posto Pioneiro Ltda., que está presente nos estados do Acre, Alagoas, Amazonas, Mato Grosso, Pará, Rondônia, Roraima e Paraíba, mais precisamente no aeroclube, local onde o senador deixa sua aeronave.

Apesar do Brasil enfrentar uma grave recessão econômica, os senadores brasileiros dobraram os gastos em 2016.  O pmedebista parece não se preocupar muito com a crise e não tem economizado quando o assunto é voar alto.

Em 2015, não foi diferente. Notas fiscais com valores exorbitantes entre os dias 11 e 22 de maio para abastecimento. 11 mil reais em apenas 04 dias de viagens.

Infelizmente, nosso povo pobre e sofrido, fica a ver aviões e pagando as contas, enquanto nossos representantes sobrevoam o universo da imoralidade e viajam nas asas do absurdo.

WhatsApp Image 2017-02-15 at 14.31.50

Continue Lendo