Notícias

VEJA: ex-deputado Gilvan Freire ataca Vice-Procurador Geral da República, Luciano Maia e diz que Vice PGR achacou e desmoralizou o MP

O advogado e ex-deputado federal Gilvan Freire, durante o programa Os Intrometidos, do qual faz parte, atacou o vice-procurador geral da República, Luciano Mariz Maia, afirmando que o mesmo faz apologia a criminosos. A declaração foi proferida nesta segunda-feira (10) e fazia menção a um discurso do Procurador paraibano, num evento no Vaticano no dia 3 de junho, em que opinava que o julgamento de Lula foi político.

“O cara foi membro do Ministério Público e vir fazer apologia a criminoso.Dizer que os processos que foram julgados pela instituição dele, que ofereceu a ação penal, estavam politizados? Meu Deus do céu! Não estou entendendo mais nada. As pessoas estão louquinhas, desprovidas de senso de responsabilidade”, criticou Gilvan.

Achando pouco, o ex-deputado disse que o procurador desprestigiou o MPF. “Um cara como Luciano, que eu acompanhei desde rapazinho brilhante e estudioso, sair representando o Poder dele para capitular, em fórum internacional, dentro do crime…Fazer apologia e encômios aos criminosos… Desprestigiar, desqualificar, desmoralizar e achacar a instituição dele com um tipo de conceito depreciativo. Completou.

Durante o programa, Gilvan ainda cobrou explicações do conterrâneo e sugeriu que Luciano fez as afirmações com base na sua possível saída da Procuradoria-Geral da República (PGR).

“Aí eu fiquei pensando por que Luciano teria feito aquilo. Será por que é ligado a [Raquel] Dodge, que está pra sair e queimada no Ministério Público? Será que é por que Luciano acha que esse é o último ato dele como subprocurador e guarda ressentimento não sei de quê e nem de quem, mas que na verdade está atrelado a uma estrutura que está caindo? Seria isso?”, questionou.

 

You Might Also Like