Notícias

Ex-governador do PSDB é preso em desdobramento da Lava Jato

O ex-governador do Paraná Beto Richa (PSDB) foi preso na manhã desta sexta-feira (25), por volta de 7h, em sua casa, em Curitiba. Ele é alvo de prisão preventiva, decretada pelo juiz Paulo Sérgio Ribeiro, da 23ª Vara Federal de Curitiba. Também foi preso Dirceu Pupo, ex-contador de Fernanda Richa, esposa do ex-governador.

A prisão é um desdobramento da Operação Integração, uma das fases da Operação Lava Jato, que investiga corrupção na concessão de rodovias do Anel de Integração, no interior do Paraná.

Os pedidos de prisão foram feitos pelo Ministério Público Federal (MPF) com base em depoimento de Nelson Leal Júnior, ex-diretor do Departamento de Estradas e Rodagens do Estado do Paraná (DER/PR). Ele teria detalhado a participação do ex-governador e de sua cúpula política no comando das negociações e arrecadação de vantagens indevidas junto às empresas concessionárias de pedágio.

Beto Richa é investigado pelos crimes de corrupção, lavagem de dinheiro e associação criminosa. Com Paranaportal.

You Might Also Like