Notícias

Documentos comprovam que empresa que tinha parente de Cartaxo como “Operador” recebeu vários pagamentos da PMJP

Documentos encontrados pelo signatário Blog no SAGRES do Tribunal de Contas do Estado (TCE), comprovam que a Prefeitura Municipal de João Pessoa (PMJP) manteve contrato e efetuou pagamentos à empresa Real Energy – Empreendimentos e Representação Limitada, que tinha como operador do esquema, o parente do prefeito de João Pessoa, Felipe Moreira Cartaxo de Sá, funcionário da prefeitura de João Pessoa e considerado peça chave na ‘Operação Cidade Luz’.

De acordo com o inquérito do Gaeco, Felipe Moreira era o intermediário entre as prefeituras e as empresas investigadas, que prestariam serviços de iluminação pública em algumas cidades.

Foram feitos vários pagamentos, conforme mostrado na tabela abaixo:

You Might Also Like