Notícias

RC rebate Manoel Jr e cita visibilidade proporcionada por “escândalos” de vice-prefeito

O governador Ricardo Coutinho (PSB), durante inauguração de Sala de Imprensa em braile do Jornal A União, na manhã desta segunda-feira (30), comentou as recentes declarações de Manoel Júnior, vice-prefeito de João Pessoa, que disse que o candidato do PSB para o Governo do Estado, João Azevêdo, teria que ter o nome “içado por um guindaste”.

“Ele não precisa ser alçado por nenhum guindaste porque basta perceber a imprensa nacional, as conversas de Eduardo Cunha que ele, como vice-prefeito e ex-deputado, vai estar no topo da notícia”, comentou.

Segundo Ricardo, a publicidade virá naturalmente para Azevêdo em decorrência de sua participação na gestão estadual.

“Eu não quero notícia para o nosso candidato. Nosso candidato tem o trabalho e tudo isso que o Estado está passando de positivo”, prosseguiu.

Ainda segundo Ricardo, uma delação do ex-deputado Eduardo Cunha pode complicar a vida de Manoel Jr.

“Tem a intenção de continuar sendo vice-prefeito, isso se Cunha não fizer delação”, concluiu.

You Might Also Like