Notícias

Em visita a Pernambuco com ministro, Azevêdo crava águas do Eixo Norte em abril na Paraíba

O secretário de Infraestrutura, Recursos Hídricos Meio Ambiente e Ciência e Tecnologia, João Azevêdo, e o executivo Deusdete Queiroga, representaram o Governo da Paraíba, na manhã desta segunda-feira (11), durante solenidade de abertura das comportas do reservatório de Tucutu, localizado em Cabrobó, Pernambuco, para que as águas do Projeto de Integração do Rio São Francisco (Pisf) possam seguir os canais até o reservatório Terra Nova, no mesmo município. As águas estão percorrendo 43,9 quilômetros subsequentes até chegar ao novo destino. A expectativa é que as águas cheguem à Paraíba até abril de 2018.

O ministro da Integração Nacional, Helder Barbalho, e autoridades do Governo de Pernambucano estiveram presentes à solenidade de acionamento das bombas. O deputado estadual paraibano Geová Campos também marcou presença no evento.

“Esse foi o início do Eixo Norte do São Francisco. Foi importante testemunhar esse momento. Depois da estação EB2, fica dependendo só de mais uma estação de bombeamento para que as águas do Eixo Norte possam chegar a Paraíba”, explicou o secretário João Azevêdo.

Aqui na Paraíba, a expectativa por parte do Ministério da Integração Nacional é que, a partir de março ou abril de 2018, as águas do Rio São Francisco já estejam chegando ao estado por meio do Eixo Norte. João Azevêdo lembra que já foi entregue ao Ministério, durante reunião do Conselho Gestor do São Francisco, um relatório contendo informações sobre a atual situação do leito do Rio Piranhas, por onde irão passar as águas da Transposição. “Nós já fizemos um levantamento sobre o local utilizando drones e enviamos para o Ministério, pois o Rio Piranhas é de responsabilidade da Codevasf. Nós já nos antecipamos e iniciamos o trabalho de limpeza e retificação ao longo do leito do rio, acrescentou João Azevêdo.

De acordo com dados do Ministério da Integração Nacional, quando concluído, o Eixo Norte da Transposição vai beneficiar mais de 7 milhões de pessoas de 223 cidades. O projeto de integração do São Francisco teve, até abril de 2016, R$ 7,95 bilhões executados com dinheiro do Orçamento da União.

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>