Notícias

CMJP fará pente fino para coibir funcionários fantasmas e marajás na entidade

A Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP) anunciou hoje (6) que o recenseamento iniciado no dia 1º deste mês deve revelar se tem servidor recebendo sem trabalhar, cedido irregularmente a outros poderes ou órgãos públicos ou acumulando ilicitamente dois ou mais vínculos de emprego.

A caçada a possíveis fantasmas e marajás na CMJP, segundo seu presidente, Marcos Vinicius, funcionará como verdadeira Operação Pente Fino, que prevê ainda o cruzamento de folhas de pessoal para verificar também se algum servidor está recebendo acima do teto constitucional.

Marcos Vinicius pediu ajuda ao Tribunal de Contas da Paraíba (TCE-PB) durante visita na manhã desta quarta-feira ao presidente do órgão, conselheiro André Carlos Torres, de quem espera apoio e fiscalização para detectar alguma acumulação ilícita entre servidores da Câmara.

“Estamos firmando um acordo de cooperação com o TCE para garantir que com o mínimo de recursos possamos ter o melhor desempenho possível da Câmara, oferecendo ao cidadão serviços de qualidade, sempre com o mais absoluto respeito ao erário”, disse o vereador.

You Might Also Like