Notícias

Com suporte das bancadas peemedebistas de Minas e Rio, André Amaral é cotado para assumir Cultura

A Coluna do Estadão, do Jornal O Estado de São Paulo, em sua versão online desta quarta-feira (14), trouxe a informação de que o deputado federal paraibano André Amaral (PMDB-PB) está com o nome cotado para assumir o Ministério da Cultura.

O cargo está vago após o deputado federal Roberto Freire (PPS) entregar a pasta por considerar o governo Temer insustentável em face da divulgação de áudios entre o presidente e o empresário Joesley Batista, na qual Temer teria dado aval para a manutenção da compra do silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha.

Segundo a nota do Estadão, o nome de André Amaral conta com o suporte das bancadas peemedebistas de Minas Gerais e do Rio de Janeiro.

O nome do deputado também ganhou força no Palácio do Planalto, após ele protocolar notícia-crime contra os irmãos Batista, por terem supostamente praticado crime contra o sistema financeiro (ganhar dinheiro no mercado de câmbio e na venda de ações do grupo antes da desvalorização provocada pelo vazamento da delação).

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>