Notícias

Sindicato dos Jornalistas paraibanos afirma que atitude de Cartaxo “deixou clara a intenção de escolher a mídia de sua preferência”

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado da Paraíba divulgou uma Nota de repúdio contra a atitude do prefeito de João Pessoa, Luciano Cartaxo (PSD), em coletiva onde não permitiu o acesso do jornalista Judivan Gomes ao local. 

Segundo o sindicato, a prefeitura feriu os preceitos constitucionais de liberdade de expressão, além de desrespeitar a democratização dos meios de comunicação. Também afirmou que Cartaxo deixou claro a intenção de escolher mídia de sua preferência.

Leia na íntegra




SINDICATO DOS JORNALISTAS PROFISSIONAIS DO ESTADO DA PARAÍBA


NOTA



O Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado da Paraíba vem, de público, lamentar e repudiar a atitude do prefeito da cidade de João Pessoa em determinar a obstrução ao acesso de um profissional da Rádio Tabajara para a cobertura de uma entrevista coletiva.


Na prática desse ato, a prefeitura feriu os preceitos constitucionais da liberdade de expressão, além de desrespeitar a democratização dos meios de comunicação. 


Ao impedir a participação de um veículo, a prefeitura transformou a coletiva em um processo seletivo, deixando clara a intenção de  escolher qual a mídia de sua preferência.


A entidade que congrega todos os jornalistas da Paraíba tem como uma das principais bandeiras de luta a defesa intransigente da profissão e a garantia da livre informação. Para preservar os pilares da democracia, em especial, no exercício do jornalismo, estaremos sempre em alerta para combater qualquer tipo de transgressões venha de onde vier.


A DIRETORIA

You Might Also Like

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>