Notícias

Anísio afirma que “no PT não cabe quem serve a dois partidos” e que não deseja que o partido seja conduzido para Romero Rodrigues em CG

Após tantas mudanças no PT,  o deputado estadual Anísio Maia (PT) comentou seu posicionamento frente a nova direção do Partido dos Trabalhadores: “No PT não cabe quem serve a dois partidos. Devemos formular nosso próprio projeto partidário, quem estiver em nossas hostes a serviço de outros projetos, deve procurar outro lugar”. 

Ele também falou sobre a liderança do partido em Campina Grande, e se mostrou temeroso quanto a próxima liderança, disse que não deseja a condução do partido para Romero Rodrigues novamente. “Em Campina Grande, por exemplo, quem vai presidir o partido é alguém que ocupava um cargo de confiança do PSDB. Pessoalmente, não tenho nada contra o professor Caniello, mas, que confiança nós temos de que não irá conduzir o partido para Romero Rodrigues novamente?” questionou o parlamentar. 

“Aqueles que me criticam são os mesmos que acreditam que o partido não deve fazer nenhuma autocrítica e que está tudo bem. Não há nenhuma conciliação possível com a política desse pessoal que trouxe o partido para a maior crise de nossa história”, disse. 

You Might Also Like